terça-feira, 27 de outubro de 2015

O estudo analisou a biodiversidade presente em florestas primárias, florestas degradadas (por queima e/ou extração madeireira), florestas secundárias, pastagens e áreas de agricultura mecanizada.
 
 
As florestas, mesmo em estágios de degradação, apresentam grande riqueza e variedade de espécies.
abelha.org.br